sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Dinheiro não traz Felicidade

Após ganhar fortuna com a venda de Bale, Tottenham não consegue "render" algumas de suas principais contratações.


Eriksen, Chiriches e Lamela foram
apresentados no mesmo dia.
Com um jogador a menos e 100 milhões de Euros a mais na conta. Foi assim que o Tottenham começou sua preparação para a temporada 2013-14, que logo de cara sacramentou a transferência de sua principal estrela, Gareth Bale, para o poderoso Real Madri. Pronto, com o cofre cheio após a venda do galês, os Spurs poderiam sair as compras no mercado do futebol sem se "preocupar" com valores de jogadores que seriam  interessantes para compor seu elenco.

A diretoria se mexeu rápido, e duranta a janela de transferências europeias, chegou a anunciar a contratação de três jogadores no mesmo dia. Durante a abertura de contratações, o Tottenham anunciou o acerto de 7 jogadores, que ao todo custaram 104 milhões de Euros ao cofres do clube de Londres. Entre estas contratações estão nomes importantes, como o atacante espanhol Roberto Soldado, o volante brasileiro Paulinho, e as promessas argentina e dinamarquesa, Erik Lamela e Christian Eriksen.

Mas até o momento nem todas as contratações parecem não estar se adaptando ao estilo do futebol inglês e ao clube. O Tottenham que chegou a ser apontado como um possível candidato ao título da Premiere League, e candidato à uma vaga na Champions League, faz apenas uma campanha mediana no Campeonato Inglês. Na classificação atual, os Spurs aparecem na 6ª posição, atrás por exemplo, do Everton, que não contratou a quantidade de jogadores do Tottenham, e ainda sim faz campanha melhor com um orçamento muito menor.

Paulinho celebra gol marcado pelo campeonato inglês.
Dos jogadores mais badalados que chegaram neste ano, apenas o brasileiro Paulinho consegue ter algumas boas atuações, contando com alguma falhas também, mas nada de anormal em um processo de adaptação. O volante reforçou um pouco a parte defensiva do time, principalmente no aspecto de marcação, e conta com recursos para se arriscar na parte ofensiva, chegando como um elemento surpresa por trás dos atacantes.



Soldado comemora com Paulinho: Dupla consegue alguns bons
momentos em campo de vez em quando.
Soldado, que deixou o Valência para ser a fonte de gols do time londrino, não está conseguindo repetir a boa fase que teve em seu ex-clube, que o levou para a Seleção Espanhola. Nas 15 rodadas da liga inglesa, o atacante balançou as redes adversárias só 4 vezes, não justificando o investimento de 26 milhões de Euros feito pelo Tottenham. Mas não é apenas o jogador espanhol que não anda conseguindo fazer gols, todo o time encontra dificuldade para furar as defesas opostas. Foram 15 gols marcados pelos Spurs, o que dá uma média de 1 gol por rodada disputada, muito pouco pelo dinheiro gasto para reforçar o time. Luis Suárez, atual artilheiro do campeonato, sozinho já marcou 15 gols, a mesma quantidade que o elenco inteiro da equipe londrina.

A defesa do Tottenham também está diferente, e não demostra ser aquela mesma defesa estável da temporada passada. Em apenas um jogo, a equipe levou 6 gols do Manchester City, sua maior derrota o time. A contratação dos jovens e bons zagueiros Etienne Capoué e Vlad Chiriches, por enquanto não está surtindo resultado, e mais uma vez o processo adaptativo atrapalha o rendimento dos jogadores, que vinham de grandes temporadas por suas respectivas ex equipes. 16 gols ultrapassaram as redes do time, que conta com um saldo negativo, e -1 gol na conta.

Christian Eriksen deixou o Ajax após ganhar 4 títulos e defender a equipe durante 3 anos, para desembarcar em Londres para exercer a função de "maestro" nos Spurs, mas como os outros jogadores, oscila entre suas atuações, fazendo bons e maus jogos, bem diferente das suas atuações na Holanda. Mas o jogador mostrou uma pequena, mas importante evolução durante os últimos 2 jogos do Tottenham. A inexperiência internacional do jogador de 21 anos contribui para sua fase, que tende a ter melhorias até o termino da temporada, basta os torcedores em White Hart Lane terem paciência com ele.
Christian Eriksen em ação pelo Tottenham.

Erik Lamela, jovem promessa argentina, talvez seja o que mais esteja sofrendo na Inglaterra, e não consegue mostrar sua habilidade nas partidas, mesmo sendo muito batalhador, como todo jogador argentino. Lamela chegou no Totteham sendo a segunda contratação mais cara do ano, logo a pressão em cima do jovem de 21 anos começou antes mesmo dele entrar em campo pela primeira vez. 

Lamela comemora gol que fez pela Europa League.

Nas primeira partidas não conseguiu se destacar e acabou dando lugar na equipe, para a também promessa, só que inglesa, Andros Townsend, que acabou sendo chamado para a seleção da Inglaterra após as boas atuações que teve no Tottenham, quando desbancou Lamela, colocando-o na reserva do time.


Lamela é um jogador com muito potencial e tem a maior perspectiva de se destacar pelo time futuramente, e assim como Eriksen, ele só precisa de tempo e de um pouco mais de confiança para poder embalar na Inglaterra, e ajudar o Tottenham nas disputas das competições europeias.

Se por um lado, no campeonato inglês os Spurs não vem muito bem, pela Liga Europa a torcida não tem do que reclamar. O time conseguiu a classificação antecipada para a fase de mata-mata da competição, com uma rodada de antecedência. Na última rodada da fase de grupos, o time misto do Tottenham aplicou uma goleada no Anzhi da Rússia, 4 x 0, com direito a três gols de Soldado. Será que agora o jogador consegue engrenar no ataque da equipe?

Gareth Bale certamente deixou saudades nos torcedores do Tottenham, mas a diretoria se portou bem, e contratou jogadores que conseguem segurar a barra durante a temporada, pois tem habilidade e sabem como jogar futebol, mas por enquanto as coisas não estão saindo como o planejado. Mas o torcedor não precisa se desesperar, e quando a equipe der liga, o time tem grandes chances de figurar nas disputas grandes, como no campeonato inglês e na própria Liga Europa, e tendo chances reais de estar na próxima Champions League. Tudo que o time precisa agora, é da ajuda do tempo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário